Açores com 6.550 desempregados em junho, menos 5,93% do que em 2020

© MM

Os Açores tinham, no fim de junho, 6.550 desempregados, menos 5,93% do que no período homólogo de 2020, com a maioria (62,47%) a concentrar-se nos concelhos de Ponta Delgada, Ribeira Grande e Angra do Heroísmo, revelou esta sexta-feira, 30 de julho, o Governo regional.

“No final do mês de junho de 2021, permaneciam inscritas nas Agências para a Qualificação e Emprego da Região Autónoma dos Açores 6.550 pessoas à procura de primeiro e novo emprego. O desemprego registado nesse mês sofreu uma redução de 4,48% em relação ao mês anterior e de 5,93% em relação ao mês homólogo”, lê-se no boletim mensal da Direção Regional de Qualificação e Emprego.

De acordo com a informação desta entidade, disponível na Internet e que a Lusa consultou, os desempregados à procura de novo emprego correspondiam “a 96,46% da totalidade dos desempregados inscritos”, sendo que 74,11% “eram provenientes do setor dos serviços”.

“Na ilha de São Miguel residiam 66,12% dos desempregados inscritos, representando a ilha do Corvo apenas 0,18% desses inscritos”, indica a informação estatística de junho daquela direção regional, tutelada pela Secretaria Regional da Juventude, Qualificação Profissional e Emprego.

A ilha Terceira regista, de acordo com uma nota do Governo regional, 20,85% do total de desempregados da região, ao passo que o Pico apresenta 4,47% e o Faial 3,62%.

Na ilha das Flores residem 0,70% dos desempregados inscritos em junho, na Graciosa moram 1,25%, em São Jorge 1,34% e em Santa Maria 1,45%.

“No que diz respeito aos programas de inserção socioprofissional, em junho de 2021, havia 4.347 ocupados na Região”, segundo a nota de imprensa do Governo.

Quanto às medidas de promoção de emprego jovem, “há 3.300 jovens a desenvolver projetos de estágio, em contexto real de trabalho, com destaque para o Estagiar L e T”, acrescenta.

De acordo com a informação da direção regional, “a maioria dos utentes encontravam-se inscritos como trabalhadores de limpeza, dos resíduos e de outros serviços elementares”

“No domínio da oferta, as Agências [para a Qualificação e Emprego da Região Autónoma dos Açores] registaram entrada de 266 ofertas de emprego ao longo do mês de junho, nelas estando envolvidos 321 postos de trabalho”, indica.

Naquele mês, “foram satisfeitas 222 ofertas, esforço que se refletiu na colocação de 257 utentes”.

Lusa/ DL

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário