Açores com sete novos casos em São Miguel nas últimas 24 horas

© D.R.

Os Açores diagnosticaram, nas últimas 24 horas, sete novos casos de infeção por SARS-CoV-2, todos na ilha de São Miguel, e a região contabiliza hoje 177 casos positivos ativos, informa a Autoridade de Saúde Regional.

No comunicado diário, a entidade adianta que cinco dos novos casos de covid-19 foram registados no concelho de Ponta Delgada, um no concelho da Lagoa e um no concelho da Ribeira Grande, resultantes de 317 análises realizadas em laboratório convencionado e quatro em laboratório não convencionado.

“Três dos novos casos positivos resultam de transmissão comunitária e quatro correspondem a outros tantos viajantes, não residentes, no rastreio por sintomatologia”, lê-se no comunicado.

Hoje continuam internados nove doentes, sendo seis no Hospital do Divino Espírito Santo, em Ponta Delgada, na ilha de São Miguel, dois no Hospital de Santo Espírito da ilha Terceira e um no Hospital da Horta, este internado na Unidade de Cuidados Intensivos.

Hoje está apenas ativa uma cadeia de transmissão local secundária, partilhada entre o Faial e o Pico.

Nas últimas 24 horas não foram registadas recuperações.

A Autoridade de Saúde açoriana revela ainda que, “no decurso da investigação epidemiológica, foi verificado que um caso positivo, inicialmente alocado ao concelho de Ponta Delgada, se encontra a residir no concelho da Lagoa, na ilha de São Miguel, pelo que se procedeu a respetiva alteração”.

O arquipélago regista atualmente 177 casos positivos ativos, sendo 165 em São Miguel, seis na Terceira, três no Faial e três no Pico.

Desde o início da pandemia foram diagnosticados nos Açores 9.159 casos positivos de covid-19, dos quais 8.755 recuperaram da doença, 43 faleceram, 95 saíram do arquipélago e 89 apresentaram prova de cura de anterior infeção.

Até hoje foram vacinadas nos Açores 173.743 pessoas com a primeira dose (73,4 %) e 192.750 com a vacinação completa (81,4%), no âmbito do Plano Regional de Vacinação.

Lusa/ DL

Categorias: Saúde

Deixe o seu comentário