Açores registam 39 novos casos e 50 recuperados

© DL

Os Açores diagnosticaram, nas últimas 24 horas, 39 novos casos positivos de covid-19, 33 dos quais em São Miguel, quatro na Terceira, um nas Flores e outro no Pico, e há mais 50 doentes que recuperaram.

No seu boletim diário, a Autoridade de Saúde dos Açores informa esta sexta-feira, 15 de janeiro que, na ilha de São Miguel, do total de novos casos, 32 resultam de transmissão comunitária e um doente é residente com histórico de viagem e análise positiva ao sexto dia.

Na Terceira, os quatro casos são de residentes com histórico de viagem e análise positiva ao sexto dia, assim como os casos detetados nas Flores e Pico.

Os novos casos resultam “de 1.655 análises realizadas nos laboratórios de referência da região e de um número indeterminado em laboratórios privados”, indica a Autoridade de Saúde dos Açores.

Há ainda a assinalar 50 recuperações, das quais 45 em São Miguel e cinco na Terceira.

O concelho de Lagoa regista um total de 145 recuperados desde o início da pandemia, tendo atualmente 45 casos positivos ativos, sendo 17 na vila de Água de Pau, 14 na freguesia do Cabouco, nove em Santa Cruz, quatro na Nossa Senhora do Rosário e apenas um caso na Ribeira Chã.

Nas últimas 24 há mais duas pessoas internadas do que na quinta-feira, num total de 28 doentes, dos quais 24 em São Miguel, no Hospital do Divino Espírito Santo, em Ponta Delgada, com seis doentes em Unidade de Cuidados Intensivos (UCI), já que “uma pessoa internada em UCI” naquela unidade de saúde foi “transferida para o Hospital de Santa Maria, em Lisboa”, lê-se mo boletim.

Na Terceira mantêm-se internados quatro doentes, no Hospital de Santo Espírito, um dos quais em UCI.

Os Açores têm 835 casos positivos ativos, sendo 794 em São Miguel, 31 na Terceira, três no Faial, um no Pico e seis nas Flores.

Foram detetados até esta sexta-feira na região 2.947 casos de infeção pelo novo coronavírus SARS-CoV-2, que causa a doença covid-19, verificando-se 23 óbitos e 1.991 recuperações.

Lusa / DL

Categorias: Saúde

Deixe o seu comentário