BE/Açores defende apoios para pais de filhos que tenham escolas encerradas

FOTO DR

O Bloco de Esquerda defendeu esta terça-feira, 17 de novembro, a criação imediata de um apoio aos encarregados de educação que faltem ao trabalho para acompanhar os alunos cujas escolas sejam encerradas no âmbito do combate à pandemia da covid-19.

Em comunicado enviado à comunicação social, o BE/Açores, que recorda ter esta medida existido no ano letivo passado, declara que “é fundamental que esta medida seja implementada de imediato pelo Governo que está ainda em funções, de modo a garantir que os encarregados de educação que não têm a possibilidade de exercer a sua atividade profissional em regime de teletrabalho possam ficar em casa sem perder metade do salário”.

Mais de 20 escolas encerraram nos Açores, nos últimos dias, na sequência do surgimento de casos positivos da covid-19, de forma particular na ilha de São Miguel, a maior, com mais população e mais casos registados.

Em março de 2020, foi criado um apoio nacional e um complemento regional às famílias com filhos menores de 12 anos cujos pais tiveram de faltar ao trabalho para ficar em casa, após o encerramento das escolas como medida de combate à propagação da covid-19.

“É fundamental encontrar agora, com rapidez, mecanismos equivalentes para dar resposta às famílias que se confrontam de novo com esta realidade”, afirma aquela força política, que adianta que caso a medida não seja implementada “no imediato pelo executivo em funções”, irá apresentar a proposta no parlamento com carácter de urgência.

Lusa/DL

Categorias: Educação

Deixe o seu comentário