Campeonato da Europa de Patinagem Artística na Lagoa é mais que merecido

É já esta sexta-feira, dia 31 de agosto que tem início European Artistic Roller Skating Championships 2018, a decorrer no Pavilhão da Escola Secundária de Lagoa, até dia 8 de setembro.

Trata-se da mais importante prova europeia que envolve todos os escalões da patinagem artística, desde cadetes, juvenis, juniores e seniores, sendo que estarão à prova as várias disciplinas, desde as figuras obrigatórias, solo dance, dança e patinagem livre. Serão vários dias onde a Lagoa será o centro da Europa na Patinagem Artística.

A Lagoa tem sido, aliás, a Capital da Patinagem Artística para os grandes eventos da modalidade, e a realização deste campeonato na Lagoa, deve-se ao empenho da autarquia lagoense que, desde a primeira hora, mostrou interesse em que o Campeonato da Europa fosse realizado na Lagoa, depois do desafio que foi lançado à Associação de Patinagem de São Miguel, pelo Clube de Patinagem de Santa Cruz (CPSC), para que os Açores pudessem acolher esta prova, e que foi, por esta, aceite.

Este é sem dúvida mais um momento histórico para a Patinagem Artística Açoriana, ao organizar a maior prova Europeia de Patinagem, fruto igualmente da excelência que tem sido os resultados dos patinadores açorianos, e em concreto os patinadores do CPSC, que têm alcançado excelentes resultados nas várias provas que participam, ao longo dos quase 25 anos de existência deste clube.

Este é de resto um reconhecimento pelo trabalho desenvolvido em prol desta modalidade e será, sem dúvida, um momento único. Há mesmo quem afirme ser este um sonho, tornado realidade para várias gerações, que ao longo destes anos elevaram a modalidade ao nível atual.

Certo será dizer também que a principal razão que levou o município a estar como parceiro neste grande evento é o facto de existir um Clube de Patinagem de Santa Cruz. “É um clube que nos orgulha, há mais de duas décadas desenvolve esta modalidade, tem trazido reconhecimento a nível regional, nacional e internacional, e por isso é a principal razão”, recordou recentemente ao Jornal Diário da Lagoa a presidente da autarquia lagoense, admitindo ser, de alguma forma, a retribuição, a este clube, de tudo o que tem feito pela Lagoa, e não há melhor presente a dar que ser anfitrião desta prova.

A cereja no topo do bolo surge com a convocatória do Patinador do CPSC para representar Portugal nesta importante prova.

Daniel Moniz, atual campeão dos Açores do escalão de juniores, participou, em 2017, no Campeonato do Mundo de Patinagem Artística, na China, tendo ficado no Top10. O atleta lagoense tem alcançado honrosos resultados, que são fruto da sua dedicação, esforço e trabalho, contando agora com todo o apoio presencial dos seus colegas, familiares e amigos.

Recorde-se que o Clube de Patinagem de Santa Cruz é um clube assíduo em campeonatos nacionais há muitos anos, sendo promotores e pioneiros na modalidade. São campeões dos Açores há 19 épocas consecutivas, promovendo a modalidade, cativando, formando crianças, adolescentes e jovens, mantendo ainda atletas adultos na modalidade, o que por vezes é muito difícil.

Estes são certamente motivos mais que suficientes para provar que a Lagoa, mereceu este Campeonato da Europa, resultado claro também do mérito, esforço e dedicação da equipa da Associação Patinagem São Miguel, como da confiança depositada por parte da Federação Patinagem de Portugal, para a realização da mesma.

DL

Categorias: Desporto, Local

Deixe o seu comentário