Cimeira global de cientistas vai refletir sobre mar, biodiversidade e espaço em Ponta Delgada

© D.R.

A reunião internacional Global Exploration Summit (Glex) vai reunir em 9 de julho em Ponta Delgada, nomes como a oceanógrafa Sylvia Earle e o físico Brian Cox, para refletir sobre mar, biodiversidade e espaço, anunciou esta terça-feira, 22 de junho, a organização.

Um dos pontos altos, segundo adiantou Manuel Vaz, um dos organizadores do evento, será o “anúncio de Sylvia Earle em considerar o mar dos Açores como um território de esperança para a conservação do planeta, que tem como objetivo também sensibilizar a área política e a área económica”.

“Temos de perceber que estamos num patamar diferente da vida e da espécie humana. Já não há muito tempo para se começar a tomar iniciativas sérias”, prosseguiu o responsável, que falava hoje, no Teatro Micaelense, em Ponta Delgada, na sessão de apresentação da cimeira.

A segunda edição da Glex é este ano repartida entre Lisboa e os Açores. Pelo evento passam nomes como os ex-astronautas norte-americanos Alan Stern e Rusty Shweickart, o ilusionista norte-americano David Blaine e a poeta Amanda Gorman, conhecida por ter lido um poema na tomada de posse do Presidente norte-americano, Joe Biden.

Para além da reconhecida oceanógrafa Sylvia Earle, nos Açores estarão também o físico e divulgador científico britânico Brian Cox e o presidente da Agência Espacial Europeia, Ricardo Conde.

A iniciativa integra as comemorações do quinto centenário da viagem de circum-navegação de Fernão de Magalhães, que se assinalou em 2019.

José Manuel Marques, presidente da estrutura de missão das celebrações, destacou que juntar estes dois eventos convida a uma “reflexão sobre este legado do passado e à reflexão sobre o mundo que herdamos e que estamos a construir”.

Também Manuel Vaz frisou que esta é uma oportunidade de, celebrando um feito de há 500 anos, “olhar para os próximos 500 anos”.

O organizador lembrou que a Glex não ‘aterra’ por acaso nos Açores.

A organização já cá tinha estado, “há dois anos, com uma missão secreta, que deixou de ser secreta, da NASA”, a expedição “Mars on Earth”, no vulcão dos Capelinhos, no Faial.

Também o astronauta Richard Garriot, fundador do Explorers Club e co-organizador desta cimeira, afirmou que a iniciativa permite celebrar a “exploração global”, destacando os projetos portugueses que estão a “ajudar a construir a rede global de radares”.

A Glex Summit acontece em 6 e 7 de julho em Lisboa e 9 e 10 de julho em São Miguel.

Lusa/ DL

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário