De janeiro a junho de 2018, o Alojamento Local foi a tipologia que mais cresceu

Saiu a publicação do Turismo de janeiro a junho de 2018, contendo, para além da Hotelaria tradicional que foi divulgada a 13 do corrente mês, o Turismo no Espaço Rural e as outras tipologias turísticas, nomeadamente o Alojamento Local e as Pousadas de Juventude.

De janeiro a junho de 2018 o Alojamento Local foi a tipologia que apresentou a maior taxa de crescimento, com 32,5%, enquanto a Hotelaria Tradicional registou 0,2%. Por ilhas, em comparação com o período homólogo de 2017, as ilhas com maior crescimento foram a Terceira, com uma variação de 78,8%, (perto de 13 mil dormidas), seguida de São Miguel com 31,4% (mais de 34 mil dormidas), do Pico com 31,2% (perto de 4 mil dormidas) e das Flores com 28,3% (cerca de 2 mil dormidas).

Relativamente aos hóspedes, a taxa de crescimento do Alojamento Local é mais acentuada que nas dormidas. De janeiro a junho, apresentou uma taxa de 37,5% enquanto a Hotelaria Tradicional registou 2,3%. As ilhas com crescimentos mais elevados foram a Ilha Terceira com 82,1% (mais de 4 mil hóspedes) seguida das Flores com 46,7% (mais de 600 hóspedes), do Pico com 40,8% (perto de 1300 hóspedes) e de São Miguel com 35,5% (mais de 10 mil hóspedes).

A ilha das Flores não apresenta informação no TER e, em 2018, a ilha do Corvo de janeiro a abril no AL, devido a não terem registado o número mínimo de respondentes (3) e respeitar assim o princípio do Segredo estatístico.

Tal como é referido na publicação, as taxas de resposta são diferenciadas para cada tipo de alojamento. Assim, na Hotelaria tradicional e nas Pousadas de juventude a taxa de resposta é de 100%, enquanto nas outras tipologias andam perto dos 70% e os valores divulgados não incluem o tratamento de não resposta.

De referir ainda que enquanto na Hotelaria Tradicional, no Turismo no Espaço Rural e nas Pousadas de Juventude a recolha é feita através de Inquéritos do INE/SREA, em 2018, a recolha do Alojamento Local é feita conjuntamente pelo SREA e pela Direção Regional de Turismo. 

DL/SREA

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário