Estes são os 11 desportos mais perigosos da História

Desportos são a base das casas de apostas Portugal, contendo diversos fãs ao redor do mundo. Mas você sabia que existem muitas modalidades por aí que são consideradas extremamente perigosas? Apesar da maioria dos desportos perigosos não estarem disponíveis em casas de apostas online, você ainda pode se divertir e fazer um dinheiro extra com os esportes tradicionais. Tudo o que você precisa é escolher um site de apostas confiável, se registrar, fazer um depósito e apostar nos seus esportes favoritos.

Muitos desportos são somente para as pessoas corajosas e que estão dispostas a correr sérios riscos de se lesionarem ou até mesmo morrer. E muitos deles contam com competições.

Então, se você está afim de saber qual é o esporte mais perigoso do mundo, fique connosco para ver a lista com as 11 modalidades desportivas mais perigosas da história.

Mergulho em caverna

Mergulho em caverna, é um dos desportos mais perigosos do mundo! O foco é buscar cavernas – naturais ou artificiais – totalmente submersas.

A única coisa que impede você de se perder ou se afogar no vácuo é uma lâmpada alimentada por bateria que pode parar de funcionar a qualquer momento e deixá-lo na escuridão completa e, juntamente com isso, uma quantidade limitada de oxigênio em seus cilindros.

Mais de 500 mergulhadores morreram tentando explorar o complexo sistema de cavernas submarinas. 

Corrida de touro

Realizada pela primeira vez no século XIV, a Corrida de Touros é uma tradição espanhola que ocorre todos os anos na festa de San Firmino. Os competidores correm por 800 metros fugindo de 6 touros.

Por isso fica claro porque é um dos desportos mais perigosos, já que você corre continuamente o risco de ser pisoteado.

Surpreendentemente, apesar de ser uma modalidade muito perigosa, a taxa de mortalidade não é alta.  Desde 1924, 15 corredores foram mortos. No entanto, todos os anos eles são feridos em grande número e os ferimentos que sofrem são aterrorizantes. 

BASE Jumping

Um dos varios esportes mais radicais do mundo! Saltos de relevos naturais, edifícios, torres e pontes em altitudes muito baixas.

Cada segundo é vital, pense que um base jumper que salta de uma altura de 150 metros tem tempo de 10 a 15 segundos para abrir o paraquedas. O paraquedas tem um formato especial e é usado junto com uma espécie de wingsuit. Esse esporte é tão perigoso que em alguns países foi proibido. Basta dizer que entre 1981 e 2018 esse esporte causou mais de 362 mortes.

Escalada Free Solo

Desafie as montanhas desistindo de cordas, arreios e qualquer outro equipamento de proteção para escalar! A Escalada Free Solo é um tipo de escalada que se pratica apenas com as mãos e os pés. Isso significa que todo erro, mesmo o menor, pode ser fatal.

Os percursos são minuciosamente estudados pelos alpinistas, pois quem se depara com estes empreendimentos deve ter um excelente conhecimento das técnicas de montanhismo e um grau de concentração muito elevado.

Creeking

Creeking é um híbrido de canoagem, caiaque e montanhismo. Aqueles que decidem praticar este esporte descem enseadas de montanhas íngremes cujos riachos são alimentados pela neve a montante que derrete lentamente.

As rotas estão entre as mais perigosas e é fácil encontrar deslizamentos de terra durante a descida. Na verdade, ao contrário de quem pratica canoagem ou caiaque, é necessário equipamento extra, que pode incluir bolsas de arremesso, cotoveleiras, bolsas flutuantes etc.

Tourada

A tourada é um desporto antigo, existem algumas pinturas que datam de 2000 aC e retratam jovens cretenses circulando nos chifres de um touro. Os fãs não consideram isso um esporte, mas uma verdadeira forma de arte mortal.

Apesar da extrema habilidade dos matadores, acidentes acontecem frequentemente e, ao longo da história, muitas mortes.

Heli-esqui

No Heli-esqui, o esquiador vai até o topo da montanha em um helicóptero e salta do mesmo para fazer um percurso completamente fora da pista.

Apesar disso, o maior perigo do heli-esqui não é pular do helicóptero e o grau de inclinação da descida, mas sim o grande risco de avalanches que podem ser causadas pela aproximação do helicóptero em uma área delicada da montanha. Então quem pratica esse esporte pode ficar sobrecarregado e soterrado.

Justa

As justas medievais, do inglês jousting, são jogos de guerra, festivais de armas de origem medieval onde dois cavaleiros competem montados em um cavalo com lanças que visam derrubar o oponente.

A justa medieval ainda é praticada hoje, por exemplo, durante as encenações medievais. Existem cursos reais que o levam de volta no tempo e ensinam como dar as mãos como um verdadeiro cavaleiro medieval.

Formula 1

A Fórmula 1 é um desporto altamente perigoso, já que os carros atingem velocidades altíssimas e qualquer batida pode causar sérias lesões ou até mesmo ser fatal.

Durante os anos, vimos diversos pilotos serem gravemente feridos, enquanto outros perderam a vida como foi o caso de Ayrton Senna.

Wingsuit Voador

Paraquedismo usando um wingsuit, saltando de aviões ou penhascos a milhares de metros acima do solo, isso é Wingsuit Flying.

Este desporto é extremamente perigoso, tanto que seu próprio inventor morreu praticando-o em 1912. Franz Reichelt pulou da Torre Eiffel para testar seu novo “traje de pássaro”, caindo de 986 pés.

No entanto, os seguidores deste esporte, que continuaram a fabricar wingsuits cada vez mais técnicos, continuam se arriscando até hoje.

Surfe em ondas gigantes

Ondas de gigantes, com pranchas de surf chamadas gun ou rhino chasers. Os surfistas correm o risco de ficarem submersos a até 15 metros abaixo da superfície ou serem mantidos debaixo d’água por muito tempo.

Uma das mais recentes mortes conhecidas por surf de ondas gigantes ocorreu em 2011, quando Sion Milosky ficou preso sob um bloco de duas ondas depois de tentar enfrentar uma onda de mais de 18 metros em Half Moon Bay, na Califórnia.

Manuela Almeida Carvalho/ MightyTips

Categorias: DL Empresas

Deixe o seu comentário