Governo dos Açores já atribuiu nesta legislatura mais de 770 apoios para habitação degradada

Andreia-Cardoso-habitação-degradada-protocolos

A Secretária Regional da Solidariedade Social revelou, em Ponta Delgada, que o Governo dos Açores, na presente legislatura, já atribuiu mais de 770 apoios para habitação degradada, num investimento superior a oito milhões de euros. 

Andreia Cardoso, que falava numa cerimónia de autorização de apoios à recuperação de habitação degradada na ilha de São Miguel, considerou que esta ação governativa tem “uma importância muito grande para as famílias beneficiadas e para a dinamização do tecido económico da ilha”, na medida em que contribui para que pequenos empreiteiros possam garantir a sua própria subsistência e a das suas famílias. 

Para a Secretária Regional, este programa “é um bom exemplo de solidariedade e do que pode ser uma parceria frutuosa entre as diversas instituições e o Governo Regional”.

Na cerimónia realizada foi autorizado um pacote de investimento do Governo de cerca de 420 mil euros, abrangendo uma centena de famílias, ao qual se deverá associar a colaboração das 15 entidades parceiras, num montante médio de mais cerca de 30%, através da incorporação de mão-de-obra e de materiais. 

Os apoios autorizados vão contribuir para a melhoria das condições habitacionais e de vida daquelas famílias residentes na ilha de S. Miguel, que se encontram em situação de precariedade económica e têm crianças e idosos a seu cargo.

Andreia Cardoso salientou que a recuperação e a requalificação habitacional “ajudam à fixação das famílias nos seus locais de origem e combatem o abandono dos núcleos urbanos das zonas rurais”.

DL/Gacs

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário