Governo regional aumenta apoio à Universidade dos Açores para 500 mil euros em 2022

© GRA

O Governo regional dos Açores atribuiu um apoio financeiro de 500 mil euros à Universidade dos Açores (UAç) para 2021, mais 150 mil euros do que o montante transferido em 2020, revelou hoje o executivo açoriano.

“Com a atribuição deste apoio, o Governo dos Açores pretende garantir a manutenção, consolidação e desenvolvimento da tripolaridade, assegurando o funcionamento e a qualidade do ensino e da investigação científica nos polos de Angra do Heroísmo, Horta e Ponta Delgada”, avançou hoje a secretaria regional da Cultura, Ciência e Transição Digital, em comunicado de imprensa.

O executivo açoriano, de coligação PSD-CDS-PPM, que tomou posse em novembro de 2020, assinou na segunda-feira um contrato-programa com a Universidade dos Açores, “com vista a atribuição de um apoio financeiro no valor de 500 mil euros, para apoio ao desenvolvimento tripolar da academia açoriana em 2021”, revela a nota de imprensa.

A Universidade dos Açores possui três polos: um em Ponta Delgada, na ilha de São Miguel, outro na Horta, na ilha do Faial, e outro em Angra do Heroísmo, na ilha Terceira.

O apoio do executivo açoriano para fazer face à dispersão geográfica da UAç, tinha sido de 350 mil euros em 2020.

“O Governo dos Açores prevê atribuir à Universidade dos Açores um montante de 650 mil euros em 2022, 800 mil euros em 2023, e 950 mil euros em 2024”, descreve a tutela.

Verifica-se, assim, “até ao final da legislatura, um acréscimo total de 600 mil euros relativamente aos 350 mil euros concedidos nas anteriores legislaturas”, salientou a tutela da Ciência, no mesmo comunicado.

Segundo o Governo regional, este contrato programa vai também “permitir reforçar as sinergias entre o executivo açoriano e a UAç”.

Isto, “nomeadamente através da participação dos investigadores nas atividades de disseminação da cultura científica, em colaboração com os restantes atores e entidades do Sistema Científico e Tecnológico dos Açores”.

Lusa/ DL

Categorias: Educação

Deixe o seu comentário