Governos dos Açores e da República alinhados em termos de políticas de conservação da natureza

A Secretária Regional da Energia, Ambiente e Turismo afirmou que o Governo dos Açores e o Governo da República “estão alinhados” no que diz respeito à implementação de políticas públicas de conservação da natureza, numa era onde deve ser imperativo reforçar o conhecimento da biodiversidade e preservar o património natural.

Marta Guerreiro falava, em Lisboa, à margem de uma reunião com o Secretário de Estado da Conservação da Natureza, das Florestas e do Ordenamento do Território.

Segundo a governante, “esta foi uma reunião profícua no sentido em que levámos um conjunto de dossiers que importa apresentar e discutir, seja pelo exemplo das políticas regionais, seja pela ação da República”.

Neste âmbito, nesta reunião, foram discutidos temas como o acesso da Região ao Fundo Ambiental para implementação de projetos de desenvolvimento de serviços ecológicos e de incremento da biodiversidade na Rede de Áreas Protegidas dos Açores e em bacias hidrográficas de lagoas, a necessidade da revisão da carreira dos vigilantes da natureza e o acesso à base de dados da CITES (Convenção sobre o Comércio Internacional das Espécies de Fauna e Flora Selvagens Ameaçadas de Extinção).

Foi, também, acordada a participação efetiva da Secretaria Regional da Energia, Ambiente e Turismo nas múltiplas iniciativas daquela Secretaria de Estado, particularmente na conservação da natureza, na biodiversidade e no ordenamento do território, com o intuito de integrar a realidade insular e arquipelágica na definição das políticas públicas nacionais nessas áreas estratégicas.

DL/Gacs

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário