Maior envolvimento dos cidadãos nos desafios ambientais depende das respostas às suas necessidades diárias

O Presidente do Governo afirmou que o sucesso da resposta aos desafios da sustentabilidade ambiental depende de um cada vez maior envolvimento das comunidades, alegando ser fundamental que esta parceria responda às necessidades e às preocupações da vida diária dos cidadãos.

Vasco Cordeiro falava em Paris, onde participou na sessão ‘Promover o Compromisso’, no âmbito do Global Positive Forum, promovido pelo Institut de l’Économie Positive.

Segundo disse, uma das soluções passa, assim, por um maior empenhamento dos cidadãos nas estratégias e nas políticas de resposta a estes desafios, cabendo às instituições públicas promover a transparência, através da partilha da informação sobre as decisões que são tomadas nestas matérias.

Nesse sentido, Vasco Cordeiro apontou o exemplo da ilha do Corvo, onde a população decidiu criar uma área de restrição de pesca, que “não foi imposta e que não resultou de regulamentos ou da lei”.

O Institut de l’Économie Positive foi criado, no final de 2018, pelo economista francês Jacques Attali, com o objetivo de contribuir para soluções concretas que permitam alcançar os objetivos económicos, sociais e ambientais para o benefício das gerações presentes e futuras.

DL/Gacs

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário