Presidente da República quer voltar aos Açores em setembro para apoiar turismo

© MM

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, que se encontrava este sábado, 01 de maio, de visita aos Açores, disse que quer regressar ao arquipélago em setembro, durante alguns dias, para “demonstrar como é bom fazer turismo” nas ilhas.

“Recebi um convite, muito simpático, do senhor presidente da Assembleia, para aqui vir aos 45 anos da autonomia, no dia 4 de setembro, e cá virei. E espero vir uns dias mais cedo, para demonstrar como é bom fazer turismo nos Açores”, realçou o chefe de Estado, em declarações aos jornalistas, no final de uma reunião com o presidente do parlamento dos Açores, Luís Garcia, na Horta.

Marcelo Rebelo de Sousa lembrou que o combate à pandemia é um processo “muito difícil”, mas manifestou o seu agrado, pelo facto de os números de novos casos de infeção e óbitos pelo novo coronavírus estar a diminuir em todo o país e também nos Açores.

“Genericamente, a situação é muito positiva nas ilhas, em número de casos, em número de internamentos, em mortalidade, e, portanto, aquilo que desejamos é que este caminho, seja um caminho a seguir rapidamente, para se virar uma página e para se virar para uma economia aberta, para uma sociedade aberta, para a vida das pessoas com mais esperança e mais futuro”, salientou o Presidente da República.

O chefe de Estado, que se deslocou aos Açores num avião da Força Aérea Portuguesa, fez escala na Base das Lajes, na ilha Terceira, onde reside o Representante da República para a Região, Pedro Catarino, seguiu até à ilha do Faial, para reunir-se com o presidente da Assembleia Legislativa dos Açores e com os líderes parlamentares, tendo viajado depois para São Miguel, onde irá reunir-se com o presidente do Governo Regional, José Manuel Bolieiro.

Lusa/ DL

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário