PSP deteve um indivíduo por tráfico de estupefacientes

A Divisão Policial de Ponta Delgada, através de elementos policiais da Esquadra de Investigação Criminal da Divisão Policial da PSP de Ponta Delgada, no decurso de uma investigação relativa a tráfico de estupefacientes, no passado dia 27 do corrente mês, procedeu à detenção de um individuo do género masculino, de 49 anos de idade, suspeito da prática de crime de tráfico de estupefacientes a que o mesmo se dedicava no Largo 2 de Março, em Ponta Delgada. 

Segundo anunciou a PSP, as diligências realizadas pelos investigadores da Polícia de Segurança Pública, resultaram na obtenção de indícios e prova suficiente que determina a envolvência desde suspeito nesta atividade criminosa há vários meses. Foi intercetado e detido pelos polícias no exato momento em que vendia heroína a toxicodependentes. Para além de heroína, foi-lhe apreendido dinheiro proveniente de venda de droga e uma viatura utilizada na atividade de tráfico. Após apresentação à respetiva Autoridade Judiciária foi-lhe aplicada a medida de coação de apresentações periódicas e proibição de frequentar o local onde foi abordado.

Salienta a PSP que o Largo 2 de Março constitui-se como um local de preocupação policial constante, daí que ali sejam desencadeadas, com regularidade, diversas operações policiais nas quais são identificados e abordados indivíduos suspeitos de atividades criminosas.

No que respeita à Equipa da PSP que está encarregue de proceder a investigações no âmbito do combate ao crime de tráfico de estupefacientes, a Brigada Anticrime (BAC) – é uma unidade especial com competência específica em matéria de prevenção e investigação do tráfico de substâncias estupefacientes ou psicotrópicas, contando já nos últimos meses com três indivíduos detidos por procederem à venda de comprimidos e heroína exatamente nesse local – Largo 2 de Março.

Ainda, no que respeita à atividade investigatória que tem vindo a ser desenvolvida por esta Brigada, no decorrer do presente ano e até ao momento, já são 27 os indivíduos que foram detidos em operações policiais desencadeadas sob direção do DIAP de Ponta Delgada, tendo como objetivo o combate ao crime de tráfico de estupefacientes na ilha de S. Miguel, sendo que 12 desses detidos aguardam os ulteriores termos do processo em regime de prisão preventiva. 

DL/PSP

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário