Sistema informático do Hospital de Ponta Delgada alvo de ciberataque

© DL

O Governo dos Açores informou hoje, 24 de junho, ter sido detetada “uma tentativa de intrusão externa no sistema informático” do Hospital de Ponta Delgada pelo que foi acionado um plano para prevenir um possível ciberataque.

“Tendo sido detetada uma tentativa de intrusão externa no sistema informático do Hospital do Divino Espírito Santo de Ponta Delgada, o Conselho de Administração informa que o mesmo está a funcionar com condicionantes, resultantes da necessidade de o defender e de repelir qualquer ação maliciosa”, lê-se na nota enviada às redações.

Na nota publicada no facebook, o Hospital do Divino Espírito Santo escreve que “poderão existir aumentos do tempo de espera em certos serviços, com atraso no acesso a informação clínica dos doentes e na utilização de muitos outros serviços baseados em computadores que hoje tomamos como adquiridos” tendo também sido suspendo o “acesso interno à internet” no hospital. 

A situação, segundo a mesma nota divulgada pelo Governo Regional, levou a que fosse “acionado de imediato o protocolo instituído para situações deste género” para prevenir “um possível ciberataque” e assim salvaguardar “a informação” e evitar possíveis “danos extensíveis aos sistemas do Serviço Regional de Saúde em geral”.

“Foi também acionado um plano de contingência neste âmbito”, acrescenta o comunicado do conselho de administração do Hospital.

Segundo a mesma nota, a administração do Hospital do Divino Espírito Santo, a maior unidade de saúde dos Açores, espera que “as condicionantes” sejam levantadas com “a reposição da normalidade, em tempo útil, com a segurança que se quer para o sistema informático desta Unidade de Saúde” de São Miguel.

DL

Categorias: Saúde

Deixe o seu comentário